Hello world! :)
Chamo-me Alexandra e tenho 24 aninhos. Estudo Ciências dos Computadores na FCUP mas o meu verdadeiro sonho é seguir Design Gráfico para o que sou formada através da escola FLAG com média de 17. Além disso sou uma aventureira e estou sempre metida em novos projetos, exemplo disso é este blogue que apesar de me fazer sentir feliz e realizada é atualizado sempre a pensar em vocês e no que gostam.
Este projeto nasceu a 24 de novembro de 2011 através do meu canal do Youtube já que estava a aprender a cuidar de mim fosse em roupas, saúde ou maquilhagem. A verdade é que na altura senti necessidade de criar o canal porque tinha muitas dificuldades nas coisas mais básicas e queria transmitir os meus problemas e como os resolvi a quem estivesse na mesma situação que eu. Tímida como era acabei por abandonar um pouco os vídeos e criar este blogue que estão a ler.
Para me conhecerem um pouco mais, além de me lerem e tentarem conviver comigo nos meus contactos (ver aba respetiva) podem ler estes posts e estas TAG's e darem-me a vossa opinião.
Sorrisos,
Alexandra :)

A 26/03/2014

EM quarta-feira, março 26, 2014
Alexandra Cardoso Escreve

*suspiro* A vida é realmente encantadora. É surpreendente, sofisticada, misteriosa e com um toque de ironia que eu realmente adoro. Com certeza daria um ótimo papel como protagonista de um filme de renome. Ou talvez conseguisse ser adaptada como enredo de uma telenovela de sucesso. A minha daria com certeza. E eu orguho-me disso! Orgulho-me porque me faz perceber o quanto evolui nestes poucos anos de vida que tenho.

Confesso que nunca soube lidar muito bem com os sentimentos nem com as pessoas. Sempre coloquei quem me rodeava num pedestal de vidro e bem protegido por uma redoma de vidro. Sempre acreditei no melhor das pessoas, em mundos cor de rosas e com bastantes arco-íris talvez com direito a pote de ouro e duende do outro lado. Claro que isso acabou por me trazer vários dissabores. Nem sempre soube lidar com eles. No início andava em brigas com os meus coleguinhas de escola. Mais tarde veio a fase de chorar e acabar por entrar em depressão. Por fim, descobri hoje, a época da felicidade plena.

Há pouco tempo descobri que não se pode confiar nas pessoas. Quer dizer, sempre o soube mas nunca o coloquei em prática. Adorava o meu mundinho e acreditava em quem me aparecia na vida apenas conversando com elas, sem nunca ter tido provas de que realmente deveria oferecer essa confiança à pessoa que estava perante mim. Sinceramente estava com pena de ter aceite essa lição para a minha pessoa. Sempre amei aquela menina de chupa-chupa na mão e sempre com um sorriso no rosto, uma verdadeira criança feliz. No entanto neste momento sinto-me tão leve, tão orgulhosa de mim mesma.

Quando os nossos melhores amigos se revelam aqueles que nos dão mais facadas e nos esfaqueam sem dó nem piedade não vale a pena preocuparmo-nos com tal. Colocamos um sorriso no rosto, viramos costas e dámos risadas daquilo que a vida tem para nos oferecer. Quando acusam os que realmente amamos, e nos amam de volta, de "proteger os fracos e oprimidos" na nossa frente pensando que não percebemos que se referem a nós o melhor é sorrir. Quando dizem às pessoas mais importantes da nossa vida que devem cortar o cordão umbilical e seguir em frente sem se importarem connosco o melhor é dar risadas, com todo o nosso espírito e bom humor. Até porque essas pessoas realmente nos apoiarão em todas as ocasiões em frente a essas pessoas tão pouco cultas.

Realmente surpreendi-me. É tão bom rir em vez de nos chatearmos ou guardamos rancor no coração. É tão bom saber que mesmo que aquela pessoa tenha sido o nosso melhor amigo já não nos consegue magoar. É tão bom ser feliz! :)



5 opiniões super acertadas:

A tua opinião é sempre bem-vinda. ^^
Todos os comentários serão respondidos no próprio post.

  1. Eu não sei quem foi a criatura que fez tal coisa...Mas gostava de poder explicar o conceito de verdadeira amizade.
    Uma amizade não é beijinho e abraços é verdade...mas também não é facadas e pontapés. Se tens alguém que te protege e te ama por gostar de ti, acho que a outra não tem nada haver com isso :/

    Quero que estejas bem, sim? Beijinho grande*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esta amizade já tinha acabado quando a dita pessoa se convenceu que eu estava loucamente apaixonada pelo dito. Mas uma coisa é estarmos afastados, outra é tentar afastar todo o resto o mundo de mim, como se conseguisse. Ainda por cima fazendo-o à minha frente sem nunca referir o meu nome, como se eu fosse burra e não percebe. Enfim... gente que não tem mais o que fazer... xP

      Eliminar
    2. Hm...é a técnica do "não ficas comigo a bem, tens de ficar a mal". Quer arranjar uma forma de te isolar para teres de te virar para ele. Sinceramente é feio e muito baixo.
      É mesmo isso. qualquer coisa, cá estou :3
      beijinhoo*

      Eliminar
  2. Como tu gostas imenso de dizer, sorri sempre :3 Sê feliz e faz sempre aquilo que mais gostares. Se as coisas correr bem, óptimo, caso contrário vê como danos colaterais ou como uma lição a não repetir. A vida é feita de escolhas, escolhe sempre aquilo que mais te agradar sweetpie. ^^

    Continua* Beijinhos doces na xexa*

    |♡Blog♡|♡Facebook♡|♡Youtube♡|

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É isso mesmo Sónia, sorrisos! :D
      Obrigada pelas tuas palavras, sabem mesmo bem! ^^

      Eliminar

A tua opinião é sempre bem-vinda. ^^
Todos os comentários serão respondidos no próprio post.

 

This blog's design was created by Alexandra Cardoso inspired in Dzignine's design.
©Alexandra Cardoso 2011-2014