Hello world! :)
Chamo-me Alexandra e tenho 24 aninhos. Estudo Ciências dos Computadores na FCUP mas o meu verdadeiro sonho é seguir Design Gráfico para o que sou formada através da escola FLAG com média de 17. Além disso sou uma aventureira e estou sempre metida em novos projetos, exemplo disso é este blogue que apesar de me fazer sentir feliz e realizada é atualizado sempre a pensar em vocês e no que gostam.
Este projeto nasceu a 24 de novembro de 2011 através do meu canal do Youtube já que estava a aprender a cuidar de mim fosse em roupas, saúde ou maquilhagem. A verdade é que na altura senti necessidade de criar o canal porque tinha muitas dificuldades nas coisas mais básicas e queria transmitir os meus problemas e como os resolvi a quem estivesse na mesma situação que eu. Tímida como era acabei por abandonar um pouco os vídeos e criar este blogue que estão a ler.
Para me conhecerem um pouco mais, além de me lerem e tentarem conviver comigo nos meus contactos (ver aba respetiva) podem ler estes posts e estas TAG's e darem-me a vossa opinião.
Sorrisos,
Alexandra :)

A 31/03/2014

EM segunda-feira, março 31, 2014
Alexandra Cardoso Escreve


"A maior parte das vezes que saio na rua, eu cubro uma grande parte do meu corpo. Muitas das minhas saias são até o joelho. Não uso muito decote. E isso nunca impediu que algum imbecil gritasse obscenidades para mim no meio da rua, que falasse o que gostaria de fazer comigo. E ainda tem um outro tipo de imbecil que aparece: o que fala que eu sou "para casar" porque não fico mostrando meu corpo. E esse ser está na mesma categoria de machismo do anterior, que grita para mim na rua: ambos acreditam que o meu valor é baseado no quanto de pele estou mostrando. Detesto ambos. Eu e qualquer mulher merecemos poder sair como quisermos, nos vestirmos para nos mesmas, sem gelar em uma rua por medo de sermos estupradas. Não mereçemos os rotúlos de santa e de pecadora, de para casar e para festejar. Somos mulheres. Ponto. Guarde seus adjetivos machistas e o seus documentos nas calças, porque meu corpo não é seu, independente do que eu vista ou deixe de vestir. Minha pele não é convite para o estupro." #NãoMereçoSerEstuprada

20 opiniões super acertadas:

A tua opinião é sempre bem-vinda. ^^
Todos os comentários serão respondidos no próprio post.

  1. Respostas
    1. Não é meu mas obrigada pelas tuas palavras.

      Eliminar
  2. Já tinha visto o post original no blogue dela :/ Aparentemente este movimento está a ganhar força - e ainda bem.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Espero que além de palavras também se transformem em açõe neste momento o mais importante é a divulgação.

      Eliminar
  3. Movimento : Lutarem contra as pessoas serem violadas, atenção! Eu não sou doida .__.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Doidos todos somos e desta vez é por um bom motivo. :)

      Eliminar
    2. Isto foi um extra, não fosses tu ou outra pessoa perceber mal o meu comentário anterior D:

      Eliminar
    3. Eu acho que ninguém ia achar que tu ias querer que as raparigas fossem violentadas. =X

      Eliminar
  4. Adorei, concordo com tudo.

    Ainda me lembro de estar a estagiar num escritório (tinha uns 17 anos) e um senhor ir lá constantemente e olhar-me de maneira perversa, e eu andava encasacada e de botas. Chegou a dizer às minhas colegas "ai que menina tão linda" e tentou falar comigo e isso.

    Beijinho*

    ResponderEliminar
  5. Um belo texto, acho que fizeste muito bem em aliar-te a eta iniciativa. Infelizmente é um problema demasiado actual para ser ignorado!

    http://ummarderecordacoes.blogs.sapo.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Infelizmente é um assunto que me diz demasiado para que eu a ignore.

      Eliminar
  6. Completamente de acordo. E fico feliz por estas palavras, e outras semelhantes, serem cada vez mais propagadas. Espero que em pouco tempo toda a gente tenha esta ideia bem presente na cabecinha.

    http://maisumblogdegaja.blogspot.fr/

    ResponderEliminar
  7. Concordo contigo! Ainda bem que cada vez mais pessoas estão a aderir a este movimento, pode ser que desta vez a sociedade mude de opinião!

    http://free-colors.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Infelizmente não acredito nisso mas desistir é que não nos vai levar a lado nenhum...

      Eliminar
  8. Obrigada! ♥
    Concordo plenamente contigo! A sociedade tem de mudar de opinião e este movimento pode ser que ajude!
    http://keepcalmandshopvintage.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Temos que começar pela consciencialização.

      Eliminar
  9. por acaso ja conhecia isto... e acho no minimo caricato. num país em que é praticamente costume andar mais despido que vestido, que hajam mulheres a ser atacadas por usar isto ou aquilo...ha coisas que não lembram ao pai natal, so mesmo a gente tola!

    xoxo

    ResponderEliminar

A tua opinião é sempre bem-vinda. ^^
Todos os comentários serão respondidos no próprio post.

 

This blog's design was created by Alexandra Cardoso inspired in Dzignine's design.
©Alexandra Cardoso 2011-2014